missao_icone_final
img_acolhida

Para alcançar o objetivo do 8º Plano Diocesano de Pastoral – “ser uma Igreja que fortaleça a cultura e a espiritualidade do acolhimento em permanente ação missionária” foram apresentados diversos caminhos, que estão dispostos nos oito itinerários. Cada um deles tem um foco e um objetivo a ser alcançado.
Vejamos:
• O Itinerário 1, tem o objetivo de fortalecer a comunhão e o sentimento de pertença, propõe um novo olhar sobre as atividades que já são realizadas, de forma que possam promover a convivência comunitária, a interação entre os agentes de pastoral e uma vida comunitária orante.
• O Itinerário 2 quer proporcionar um caminho de vivência com Jesus, por meio da formação sobre querigma, iniciação à vida cristã e à cultura e espiritualidade do acolhimento.
• O Itinerário 3 quer fortalecer as estruturas de acolhimento e, para isso, propõe a criação de canal de escuta; adequação dos horários; acompanhamento das pastorais; criação de uma rede de pessoas que se responsabilizem umas pelas outras; acolhimento dos que chegam; formação dos atendentes paroquiais e preocupação com questões de segurança.
• O Itinerário 4 é um caminho que passa pela criação e fortalecimento da Pastoral da Comunicação (PASCOM) e pela viabilização de uma rede comunicativa.
• O Itinerário 5 tem como objetivo desenvolver a consciência missionária em todas as pastorais, movimentos e associações. O fortalecimento dos conselhos missionários,
a formação e a integração de todos são atividades previstas para este fim.
• O Itinerário 6 traz a setorização. A divisão da paróquia em setores missionários e o cadastro dos paroquianos são atividades que nos permitirão identificar as potencialidades e fragilidades da área paroquial, constituindo comunidades capazes de responder mais rápida e concretamente às necessidades de cada setor.
• O Itinerário 7 traz como principais atividades as visitas missionárias de forma integrada com todos os visitadores da paróquia, para levar o Evangelho de Jesus Cristo a todos.
• O Itinerário 8 propõe a criação de um cadastro de assistência social diocesano; ações com foco no auxílio e partilha; fortalecimento das pastorais sociais; visitas e plantões em velórios; elaboração de material gráfico e criação do Vicariato Episcopal para a Caridade Social.
Que o Espírito Santo nos conceda Sabedoria para colocar tudo isso em prática!

CNBB2
SSE

PROGRAMA VERBUM A PALAVRA DE DEUS

PROGRAMA A VOZ DA DIOCESE

+ ÁUDIOS